Os falcões do Rei

Era uma vez um rei inglês que ganhou de presente dois falcões de Harris.

O rei estava encantado com seu presente. Toda manhã olhava pela janela admirado e via um dos falcões voando alto pelo céu.

Com o passar do tempo, percebeu que, na verdade, sempre via apenas um dos falcões. E convocou o treinador do castelo:

“Por que vejo somente um falcão no céu?” O treinador o olhou e disse: “Senhor, não tenho boas notícias. Como você viu, um dos falcões é magnífico. Voa pelo céu e plana majestosamente sobre a terra. Porém, seu irmão se recusa a deixar o galho.

Toda vez que tentamos tirá-lo do galho, ele se torna agressivo e fica com muito medo. Consultamos os veterinários e não há nada de errado com ele. Chamamos xamâs e magos, buscamos as mentes mais brilhantes do palácio para ajudar o falcão, mas não importa o que façamos, ele se recusa a deixar o galho.”

O rei ponderou o dilema por um momento e disse: “Quer saber? Precisamos de uma solução simples”. “Acho que precisamos consultar um fazendeiro”.

Um dia depois, o rei se aproximou de sua janela e para sua surpresa, havia dois falcões no céu.

Eles eram magníficos. Estavam subindo em direção ao sol, planando e mergulhando em direção ao solo.

O rei estava encantado. De novo, convocou o treinador do palácio e disse: “Estou tão feliz, finalmente os dois irmãos estão voando juntos”.

“O que você fez? Como conseguiu tirá-lo do galho?”

“Bom, fizemos o que pediu, chamamos um fazendeiro.”

“E o que o fazendeiro fez?”

“Bem, estávamos tão felizes com o resultado, que acabamos esquecendo de perguntar a ele.”

“Por favor, tragam o fazendeiro”.

O fazendeiro era um homem muito simples e humilde. Quando entrou no palácio estava extremamente tímido, olhando para o solo.

O rei olhou para ele e disse: “O que você fez? Como conseguiu fazer o falcão voar? Que magia utilizou?”

“Pois, na verdade senhor, não houve magia. Fiz algo muito simples, cortei o galho. E quando o falcão se deu conta de que tinha asas, simplesmente começou a voar.”

O que te impede de soltar suas limitações e realizar seu potencial completo?

Leave a Reply